O que é cheque especial?

Saber o que é e como funciona o cheque especial é um dos principais passos para se aprender a economizar dinheiro, ou não arrumar dívidas atrás de dívidas. Este serviço do banco é uma espécie de crédito que já tem um valor máximo predefinido pelo contrato entre o cliente e a instituição financeira, e o cliente pagará no mês seguinte com juros. Em outras palavras é como se o cliente pudesse, todo mês, usar até uma determinada quantia como se fosse um empréstimo do banco, porém terá que devolver o valor mais um juros definido pelo banco.

Como funciona o cheque especial?

O cheque especial funciona quase como um empréstimo rápido, ao fazer o contrato com o banco, a instituição define um limite para a conta do cliente. Sempre que precisar, o cliente poderá usar esse limite mesmo se não tiver saldo em sua conta no momento do uso. O problema de fazer uso do cheque especial é que ele será cobrado no més seguinte diretamente da conta do cliente e, assim como o empréstimo, também será taxado em cima do valor retirado um juros estabelecido pelo banco. Nada poderá ser cobrado do cliente caso ele não retire nenhum valor do cheque especial, nada poderá ser cobrado neste casos. O limite de crédito deste tipo de serviço é definido por fatores financeiros do cliente, como sua renda.

E se eu não tiver dinheiro para pagar no mês seguinte?

Caso o cliente que fez uso de seu limite de crédito não possua dinheiro para pagar a devolução do valor mais os juros o banco aplicará uma multa de % sobre o valor total do que o cliente deve, ou seja, a quantia retirada por ele mais o juros. Esta multa também pode ser aplicada caso o cliente gaste mais do que seu limite permite. A multa nunca passará de %, porem o juros é variável de acordo com o banco, além disso, quanto mais se atrasar o pagamento, mais caro a divida fica, e junto com ela a multa.

Vantagens e Dicas

As desvantagens do uso do limite de crédito são muito claras, o valor que se pagará por usar esse serviço será maior do que o benefício ganho, é dessa maneira que os bancos ganham dinheiros em cima desta operação. O cheque especial, porém, não é algo ruim, é um recurso que pode ser bastante útil em necessidades urgentes ou inesperadas, onde se precisa de dinheiro mas não há saldo suficiente.

É preciso estar atento ao cheque especial, existem algumas dicas que podem ajudar a não gastá-lo sem querer, ou a fazer um uso mais inteligente deste recurso. Quando um cliente que possui cheque especial tira o saldo, é possível que o banco some no saldo total o limite de crédito, dando a impressão de que há mais dinheiro na conta do que realmente existe. Se o cliente tiver R$500,00 de saldo na conta, e seu limite de crédito for de R$1.000,00 é possível que o banco mostre o saldo total como R$1.500,00. Sempre verifique se o saldo total de sua conta corresponde somente ao que você realmente possui. Além disso, gaste o cheque especial apenas quando necessário, na maioria dos casos é melhor esperar o saldo real entrar para gastá-lo do que apelar para o limite de sua conta. Muitas vezes pequenos valores também não fazem muita diferença quanto ao juros, porém sempre diminuem um pouco o saldo do mês seguinte.

Como faço para cancelar?

Para cancelar o cheque especial basta ir ao banco e solicitar o encerramento deste tipo de serviço em sua conta, assim você não correrá mais risco de gastar o crédito do cheque especial por engano. Porém, ao fazer o cancelamento é importante que o cliente exija um comprovante protocolado daquela solicitação, inclusive com o carimbo do banco e assinatura do funcionário que o atendeu. Caso algo seja cobrado relacionado com o cheque especial o cliente tem a comprovação de que o serviço deveria estar cancelado.